25 setembro 2015

[Especial Ghibli] Kaguya Hime no Monogatari





E finalmente chegamos ao final do especial.

O filme da vez foi lançado juntamente com Vidas ao Vento, um filme do Isao. Isso não acontecia desde que Totoro e Hotaru no Haku foram lançados juntos. O filme é de 2013, e marcou a volta de Isao, que o ultimo trabalho tinha sido Meus Vizinhos Yamadas. Concorreu a vários prêmios e foi lançado aqui no meio deste ano (julho de 2015).

O filme é baseado no conto do Cortador de Babum, cujo qual eu não li. E tem como proposta falar do "Erro e castigo da princesa Kaguya", algo assim, eu realmente não lembro as palavras com exatidão.



A história começa com um cortador de bambu, que um dia vê um brilho no meio dos bambu, vai lá ver e se depara com um começando a nascer e toma um grande susto quando ele cresce um pouco e se abre, mostrando uma pequena garota, que lhe cabia na palma da mão. Ele a leva com ele, acreditando ser uma bênção dos deuses e começa a criá-la junta da esposa. Ela cresce assustadoramente rápido e a partir dai vamos acompanhando seu crescimento.

A história mostra algumas coisas que devido a época já eram esperados. Como a ideia de "atingir a felicidade" envolvem casamento e grande necessidade disso imposta nas mulheres. E devo dizer que a Kaguya é genial, ela simplesmente além de questionar tudo isso, consegue se livrar de TODOS os seus pretendentes. De um jeito ou de outro, ela os recusa.



A historia começou alegre, mas se mostrou densa em várias partes, quando as coisas foram cada vez a agradando menos e sua infelicidade foi se tornando palpável. Ao ponto de ter uma cena onde logo após estar extremamente feliz ela logo volta a sua realidade e novamente se sente mal. E o final do filme não se torna nada mais do que tinha que acontecer.

O filme tem a trilha sonora maravilhosa, como todo filme do estúdio e ele é MARAVILHOSO. Ele segue o estilo aquarelado de Meus Vizinhos Yamadas, mas com outro traço, que o torna mais realista que outras em alguns pontos.  Não é o traço costumeiro redondinho e bonitinho. Mesmo sendo um traço muito bonito, ele consegue passar tudo muito bem. Até chega a ser sufocante quando tinha que ser exatamente dessa forma.



É um filme que vale a pena ser visto, mas não é algo que uma criança vá entender ou gostar. Já é para alguém mais velho e vale a pena ver, mesmo que o final não lhe agrade, ao menos a arte vai e os bons momentos são realmente bonitinhos.

E daqui, o especial finalmente acaba. Agradeço me acompanharem nessa longa jornada. Foi um prazer e não esqueçam de ver as outras coisas do blog e continuar acompanhando. ;)


2 comentários:

  1. Quando eu li o título acabei lembrando da lenda da Kaguya-hime que li em um outro blog, já fiquei super interessada em assistir ♥ Vou adicionar a minha lista de filmes para assistir, já gostava de ler a lenda dela e aposto que vou gostar ainda mais se ver o filme! Obrigado por indicar!
    Kissus
    Yuurei Neko

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora eu não sei se tem a ver ou não, mas eu espero que goste bastante do filme. :3

      Excluir

- Pode deixar o link do seu blog ou qualquer coisa assim ai embaixo do comentário;
- Comentários ofensivos serão excluídos;
- Eu NÃO sigo de volta, se eu gostar vou atrás;
- E pra finalizar: Eu demoro, mas respondo os comentários.