15 maio 2015

[Especial Ghibli] Meus Vizinhos: Os Yamadas


 

Filme de de 99 e provavelmente o penúltimo filme do Isao que vou falar neste especial. Um filme diferente novamente, como sempre mostrando que o estúdio não é só Miyazaki ou um tipo só de filme.

Desta vez temos algo diferente, um filme que conta pequenos pedaços de histórias de uma família japonesa. São vários pequenos casinhos contados no longa, histórias como foco em um familiar, as vezes uma situação de todos. É ver um filme com várias pequenas cenas do cotidiano de uma família, basicamente.

Temos 5 membros na família, a avó, a mãe, o pai, o filho mais velho e a filha mais nova. Cada um com suas características. E cercado por pequenas histórias engraçadas. Coisas comuns, pequenas, mas engraçadas de sua forma.



Esse foi um filme que acabei vendo praticamente duas vezes por acaso, vi metade num dia, não pude terminar, fui terminar num dia bem distante e acabei revendo quase do começo. Porque eu realmente não lembrava onde tinha parado.

Uma coisa que me chamou a atenção no filme foi seu estilo diferente de traço e cor. Ele é um filme "aquarelado" e os personagens parecem vir de tirinhas ou algo do tipo. Isso não significa algo menos rico em detalhes, muito pelo contrário, pela "arte" diferente e proposta ele se mostra muito bonito. É o tipo de filme que poderia virar uma seriezinha com cenas curtas. Que provavelmente seriam bem trabalhosa.



O filme vale a pena ver? Sim, é descontraído e muito bom para esquecer um pouco de si mesmo. É um filme leve, e no final te deixa tão leve quanto. Ver aquelas situações, se identificar com algumas e até pensar "eu algo já fiz algo idiota assim" e rir dessas besteiras. Então sim, eu recomendo que vá ver e deixar isso te divertir um pouco.

Eu não tenho muito o que falar de plot, porque como dito antes, são pequenas histórias, qualquer coisa aqui ia contar ao menos uma história e essa não é minha intenção.



Como já dito, esse é um dos últimos filmes dele que vou falar aqui. Então até o próximo filme dele, que vai ser provavelmente um dos últimos do especial, mandem beijinho pra esse lindo. E esperem ele sentadinhos no canto.

O motivo disso? Acontece que depois desse filme, até 2008, ele não tinha anunciado mais nada, nenhum projeto. Então isso faz restar o Miyazaki, sua equipe e até seu filho. O filho dele? É, mas isso é outra história.

Nos vemos no próximo filme. Chihiro vem ai ~

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Pode deixar o link do seu blog ou qualquer coisa assim ai embaixo do comentário;
- Comentários ofensivos serão excluídos;
- Eu NÃO sigo de volta, se eu gostar vou atrás;
- E pra finalizar: Eu demoro, mas respondo os comentários.