14 março 2015

[Anime e Jogo] Dramatical Murder



Olá flores da Lena, voltei e olha só com o que? Um anime e jogo yaoi <3


Já deve ter ouvido falar de Dramatical Murder, é um jogo BL feito pela Nitro+Chiral, ela fez Togainu no Chi também que é um jogo que eu devo vir falar no futuro. O jogo é um Visual Novel, ou seja, há rotas e escolhas que te levam a diversos finais. Diferente daqueles jogos que focam mais no romance do que no resto, aqui nós temos um bom foco na história antes de fato do yaoi começar.

O jogo é recente, de 2012, e existe ele disponível em inglês na nossa bela internet (e parece que tem gente traduzindo para o português também, mas sei pouco sobre o assunto). Então ainda tem bastante coisa dele sendo “lançada”. Entretanto, são dois jogos na verdade. O primeiro, Dramatical Murder e o Re:connect que é como uma continuação. Ele basicamente pega e conta coisas que aconteceram durante ou após ambos os finais, bons ou ruins. Não tendo muito gameplay e mais você assistindo. Entretanto ele tem alguns bônus, depois falo disso.

O primeiro jogo tem 4 rotas e uma 5 liberada após fazer as 4, seria como a rota “verdadeira” já que é a única que te explica tudo que aconteceu e porque estava acontecendo. As outras, algumas mostram um pouco e tal, e acabam no final te deixando com uma incógnita que só a 5 responde. Mas cada rota tem sua coisa especial, que faz ela ser boa. Já que eu sou suspeita porque gostei praticamente de todo jogo e teve coisas que não me agradarem no primeiro e o segundo amenizou um pouco. A jogabilidade do jogo é fácil, não é nada complicado e você sempre pode salvar e dar pausa, sem problema nenhum.

Mas qual é a história não é mesmo? Roubarei uma sinopse porque as minhas tentativas foram horríveis: “A história se passa no futuro onde existe um jogo de luta virtual chamado Rhyme – que é incrivelmente popular e muito perigoso. Nessa época, cada pessoa possui seu próprio AllMate, computadores dotados de inteligência artificial. Para entrar na Rhyme é necessário ter um AllMate porque é ele quem luta sob o seu comando. Fora a Rhyme, outra diversão comum entre os jovens é entrar para gangues e disputar territórios. Em meio a tudo isso, Aoba leva uma vida extremamente normal: vai para o trabalho todos os dias, mora com sua avó, não participa da Rhyme e nem faz parte de nenhuma gangue. Mas devido aos rumores sobre ter pessoas desaparecendo, Aoba acaba precisando desvendar os mistérios por trás da ilha onde mora a fim de proteger o estilo de vida que leva”.  Eu ia acrescentar coisas e explicar de uma maneira um pouco diferente, mas essa vai ser boa porque vai garantir que se surpreendam depois.

Se você não mora numa caverna, deve ter visto que existe um anime do jogo e também uma OVA. O Anime é consideravelmente um boa animação, ele pegou TODAS as rotas, conseguiu fundi-las, explicar tudo e o final acabou seguindo o mais para uma rota especifica. E adivinha só? Não tem putaria florzinha, tem nada. Porque no próprio jogo, até a escolha da rota a única coisa que acontece nem é “mostrada”, e mesmo assim boa parte das rotas só acontecia algo já no final ou perto dele. E se eles forem colocar cada uma e acontecendo cada coisa ia ser como aquela imagem do Aoba com a bela frase, de um funk que eu não lembro de quem é: “Teoria da Branca de neve. Por que ter um se eu posso ter sete?”. A OVA já são todos os bad end batendo na sua cara e te fazendo sofrer e vocês vão entender quando eu falar sobre os bad end.

Você já sabe quem é o Aoba, com quem você joga, mas falta te apresentar suas escolhas de rota.





Esse aqui é o Koujaku, ele é líder de uma das gangues que disputam território (mesmo que isso não aconteça muito), como puderam notar ele gosta bastante do estilo japonês clássico. Ele é amigo de infância do Aoba, o segundo mais altos da suas escolhas e o que você obviamente conhece a mais tempo. Ele é cabelereiro por hobby e chama muito a atenção das mulheres, normalmente sendo encontrado rodeado por elas.
Ele é uma rota clichê de certa forma, é aquela coisa do melhor amigo e tudo mais. Foi a primeira que eu fiz, sem nenhum motivo especifico, e eu gostei muito. Ela me encheu de amorzinhos, a relação dos dois é muito boa e o jeito como o Koujaku age com o Aoba, gente, morta menina Helena ao ver aquilo. Devo dizer que é uma das minhas rotas preferidas justamente por como ela acontece. E o final do final bom é tão, awn <3
E também aproveitando, ele tem um dos finais ruins mais “leves”, porque tem outros muito piores, esse incomoda mais emocionalmente do que a situação em si.
[Tem spoiler aqui] Eu já vi gente falando que nessa rota tem estupro, e NÃO tem. Rola um momento mais tenso, mas não acontece nada, quando ia começar o Koujaku volta a si e fica muito mal pelo que quase aconteceu. E se você já jogou, eu ri muito na primeira transa dele, ri muito porque eu não esperava aquilo. Sorte que o clima voltou depois. E eu amo o Aoba de cabelo curtinho. <3[Ok, acho que acabou os spoilers]
Antes que eu esqueça, algo curioso nele, é que ele foi o único que não gostou de Trip e Virus, achando que eram mal amigos para Aoba. Tem algo de mais eu falar isso? Não, não tem.





Agora, esse é o Noiz. Ele com muita certeza foi um dos personagens que eu vi que tinha muita coisa ainda para eu ver pela frente. É um dos mais novos e o mais baixo dos que você pode pegar e mesmo assim maior que o Aoba. Entretanto devo dizer que as vezes essa diferença parece maior do que realmente é. Ah, ele é mais novo que o próprio Aoba. É engraçado que ele e Koujaku não conseguem se dar bem, brigando constantemente e Noiz adora chama-lo de velho. Afinal, do Koujaku para o Noiz são quase 10 anos de diferença. Sim, é por isso que tem gente que shippa eles, e sim, eles fazem Noiz seme mesmo ele sendo mais novo e mais baixo, porque eu sei que tem gente que se incomoda com isso. MAS, isso não rola no jogo, no jogo o único que se dá bem é o Aoba.
Ele é jogador de Rhyme e isso é só um motivo para aumentar a treta entre ele e o Koujaku. Mas isso é um detalhe só. Noiz chama a atenção pela quantidade enorme de piercings, e mais para frente até em lugares mais inesperados... Afinal você nunca esperou piercing na mão né? Ele é um personagem que parece muito mais “fechado”, ele tem um interesse bem fixo durante o jogo e é única coisa que ele quer durante um bom tempo. A aproximação com ele demora e acontece de um jeito até estranho. Mas ele acaba se mostrando algo bem diferente do começo.
Quanto aos finais... O bom dele é um amor que gente, GENTE, GENTE. É sério, é lindo de mais, ele sacaneia um pouco no primeiro, mas a continuação no segundo cobre tudo e até além da conta. Mesmo as vezes parecendo um pouco rápido. E agora o ruim... Bem, ele na verdade tem dois finais ruins, um que você praticamente ignora porque ele é bem indiferente. E o outro... PUTA QUE ME PARIU. Tem uma sessão doente na Nitro+Chiral, porque aquilo é bem traumático, traumático mesmo. E o que já era horrível no primeiro, piora no segundo e vou dizer para vocês, dói, dói muito. Porque quando você entende o que está acontecendo piora mais ainda. E também é bem perturbador o caminho para chegar ali, a tela fica de um jeito bem estranho, dá umas estáticas e parece que tem algo errado com o jogo e com o seu computador. Mas é só efeito, podem ficar calminhos. Ah sim, no segundo ele se mostra um pouco diferente, mas depois mostra que não mudou muito, o que mais surpreende no começo é a mudança de aparência.




Agora o Clear. Eu quase peguei ele de primeira rota só pelo cabelo branco, tenho um fraco por isso que você ai não tem ideia. E como eu vi o anime primeiro eu já sabia algumas coisa dele e por ter gente no facebook que compartilhava coisas de dmmd eu acabei vendo coisas referentes ao final ruim dele, então eu sabia o que me esperava.
Ele é o segundo mais baixo, sendo maior que o Noiz e menor que o Koujaku. Com muita certeza ele foi o personagem que mais me chamou a atenção no começo. Sua primeira interação com ele é ele CAINDO DO CÉU na sua frente e berrando “MAAAAASTER”. Eu juro que eu fiquei “Que porra eu tô jogando?”. Ele é o mais animado e mais misterioso personagem, ele tem um jeito bem infantil e gosta muito de Aoba sem nenhum motivo especifico. Ou que seja explicado de começo. Também quer ser amigo de todo mundo e é muito educado. Mesmo que a máscara que ele use de a ele uma aparência mais “tensa”, ele a quebra totalmente. Também foi com ele que se gerou mais risadas.
Eu tenho 3 rotas favoritas, a do Koujaku que já citei, a dele e a última. Mas acho que a que mais mexeu comigo foi essa aqui. Ela revela mais coisa do que a do Koujaku e mais do que a do Noiz, então aqui você acaba tendo mais noção do que estava acontecendo. Mesmo ainda faltando explicações. Os finais dele comprovam que tem gente doente naquela empresa e gente filha da puta, o final bom dele me fez até chorar, chorei de tristeza, chorei de felicidade e quando veio o RE:connect continuando tudo aquilo eu quase explodi de felicidade, além daquele momento mais tenso. Mas... O final ruim... O final ruim supera o do Noiz, supera muito. Ele é um baita dum trauma, e ele já era horrível no primeiro, no segundo ele só piorou. É realmente uma situação horrível.
E gostaria de dizer que o Clear tem uma bela voz (não vou falar do rosto pq sou malvada), e a canta uma canção mega fofa. No jogo não tem o dublador cantando, mas foi feito para o anime. E um detalhe sobre o dublador: Ele foi o único que jogou o jogo, ambos se não me engano.





Mink, esse é o Mink. Eu só peguei a rota dele porque eu precisava desbloquear a última e devo dizer que eu nunca tive um interesse por ele eu não gosto da rota dele no primeiro, no segundo eles amenizam bem, mas o primeiro ainda foi muito forte para mim. Eu vou falar depois porque vai conter spoiler e tal. Mink é o mais alto de todos e se não me engano o mais velho, assim como Noiz não é japonês, Mink também não é. E se eu não falei, Noiz é alemão. E o Mink é um índio de um canto que eu não lembro o nome. Então ele é todo religioso. Se Noiz é fechado, Mink é uma parede. Ele é grosso e bem ríspido com o Aoba durante boa parte do jogo.

Ela também revela mais coisa da história e tudo, e isso é um ponto bem interessante nela. Ela tem finais que já são mais “hm... pera...” que o segundo realmente ajuda bastante. O ruim acaba faltando uma explicação maior no primeiro, mas ainda é melhor que o do Noiz e o do Clear. E o bom eu tenho que admitir, tem um visual lindo, como Mink é um índio, ele tem toda aquela coisa de humanas com miçanga e cabelinho trançado (bj pá você que também é de humanas) e ele faz no cabelo comprido do Aoba e fica um amor. Mas uma coisa que me chama muito a atenção no segundo é a mudança nele. Antes ele tinha uma expressão muito mais pesada e falava mais sério, no segundo ele parece mais leve e a voz mais tranquila. Ele foi o que teve a maior diferença.
[spoiler] O motivo de eu não gostar da rota é porque o Mink agride o Aoba diversas vezes e as pessoas acabam esquecendo porque depois ele “cuida do Aoba” , depois há uma explicação que ele fez tudo aquilo para que não se criassem laços entre eles dois e o Aoba descobre que o Mink não era tão ruim assim. Mas mesmo assim, ele agrediu ele e não me agrada a ideia de você ir atrás do seus agressor. No segundo jogo ele pede desculpas por tudo, mas antes chega a mandar ele embora devido tudo o que ele causou a ele.[fim do spoiler]


  
Não, você não precisa ficar confuso. Porque a quinta e “verdadeira” rota envolve um cachorro, que nem é um animal de verdade. Quando você faz as outras 4, você nota que algo acontece no seu menu do jogo. No menu tem um Aoba em 8 bits andando junto com o Ren, que é o cão. A cada rota completada aparece o personagem na ordem que você fez, e ao fazer a 4 e voltar para o menu, o Ren some. Então você começa o jogo outra vez e vai notar que agora existem novas opções e são elas que vão te levar para essa rota.
O Ren é um personagem que logo de começo você nota ser super preocupado com o Aoba e ele assim como Aoba ainda não sabem a verdade, até que uma hora vão descobrir. É um personagem bem fofo e amável. Ele não é inocente como Clear, mas segue uma linha mais próxima dele. Como disse antes, é uma das minhas rotas favoritas. Ela é maior, um pouco mais complicada, mas revela muita coisa e tendo um dos finais bons mais bonitos do jogo. É outro que me deixou super emocionada. Ela também possui dois finais ruins, um deles não envolve o Ren e talvez seja o final ruim que as pessoas possivelmente podem gostar. E tem o outro ruim que também é bem... Triste? Ele e bem depressivo, não é ruim como alguns já citados, mas quando você analisa tudo que aconteceu, acabar daquele jeito é horrível.
Como essa é a rota “verdadeira” ela é a única que conta também sobre o passado do Aoba, mesmo que bem por cima, no segundo jogo isso já é explicado é algo só possível graça a essa rota. Um detalhe sobre Ren que eu queria muito entender também é explicado, que é o motivo de ser uma seringa e sua coleira. E, não, você não se relaciona com um cachorro, você vai entender depois. Mas devo dizer que é a rota mais louca ao mesmo tempo, a do Clear já é meio “estranha”, mas essa aqui ganha a distância.

Existem outro personagem que eu não citei? Sim. Trip, Virus e Mizuki. Trip e Virus parecem gêmeos, mas não são, andam sempre com junto e se dizem fãs de Aoba, ambos são yakuzas. Mizuki é amigo de Aoba e Koujaku, é líder de outra gangue é muito bonitinho, da primeira vez queria que fosse uma rota.  Tem alguns outros personagens que eu amaria falar deles, mas seria spoiler, e eu não posso dar mais spoiler.

Para acabar essa review GIGANTE. O jogo tem uma arte bem bonita, bem bonita mesmo e agradável, só em um momento ou outro os personagens me lembravam uma tartaruga, mas era só um pouco. Além da arte linda, o jogo tem uma trilha sonora muito boa, ela passa o que tem que ser passado na hora certa, deixando os momentos agradáveis ou desagradáveis.
Foi uma boa experiência, não foi o primeiro jogo que joguei no estilo, mas considero o primeiro por ser comprido, todo bem trabalhado e ter o sistema de rotas. Ele também foi o primeiro BL no estilo que joguei. Nitro+Chiral tá de parabéns. Valeu muito a pena ter jogado e não duvido que de tempos em tempos eu vá jogar de novo um pouco ou relembrar. Mesmo que eu não vá sentir o que senti da primeira vez jogando.
Você provavelmente quer jogar, então. Aqui o site onde tem ambos os jogos e você baixa via torrent. Eu ia deixar um link para um vídeo, mas como eu não encontrei, entrem nesse site para ajudar com a instalação, rotas e tudo,
E um conselho: O começo do jogo só se altera 3 vezes. E de poucas maneiras. Então, quando fizer o caminho pela primeira vez, você vai cair em duas possíveis rotas, numa é Koujaku e Mink, na outra Noiz e Clear. Salve antes de escolher, assim quando for para a outra é só ir direto ai e não precisa rever tudo. Agora a do Ren você vai ter que jogar do início.
Aproveitem que vai ser uma boa aventura, vão se divertir, se sentir mal e no final até ficar com saudades. E antes que eu esqueça: O Aoba criança é a coisa mais fofa do mundo. Nos vemos.

3 comentários:

  1. Incrivel :3 faz tempo que procuro esse jogo eu ja baixei em ingles foi dificil achar kkkk ' o link que voces disponibilizaram eh em ingles ou portugues? \o/ agradeço a staff pelo trabalho todo esse tempo :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você não tivesse falado eu nem teria visto que saiu do ar ambos os sites D:
      Aqui um link ajeitado:
      http://fuwanovel.net/novels/dramatical-murder
      E é em inglês, acho que ninguém fez em pt.
      Nesse próprio site tem embaixo como instalar qualquer coisa ;)

      Excluir
  2. A proposito nao estou conseguindo baixar ;-;

    ResponderExcluir

- Pode deixar o link do seu blog ou qualquer coisa assim ai embaixo do comentário;
- Comentários ofensivos serão excluídos;
- Eu NÃO sigo de volta, se eu gostar vou atrás;
- E pra finalizar: Eu demoro, mas respondo os comentários.